Papa reduziu o antissemitismo, diz Grande Rabino de Israel

Papa Bento XVI no Kotel Israel

‘Relações se tornaram mais estreitas’, afirmou Yona Metzger.
Papa Bento XVI renunciou pessoalmente nesta segunda-feira (11).

O Papa Bento XVI melhorou as relações entre o cristianismo e o judaísmo e contribuiu para “uma diminuição dos atos antissemitas no mundo”, disse nesta segunda-feira (11) o Grande Rabino asquenaze de Israel, Yona Metzger.
“Sob sua autoridade, as relações entre o Grande Rabinado e a Igreja, entre o judaísmo e o cristianismo, se tornaram mais estreitas, o que conduziu a uma diminuição dos atos antissemitas no mundo”, afirmou à AFP um porta-voz do Grande Rabino após o anúncio da renúncia de Bento XVI.

Para ler mais e assistir ao vídeo da reportagem, clique aqui

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s