Israel: premiê é criticado por US$ 127 mil gasto em ‘cabine-cama’ em voo

Bibi Netanyahu

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, está enfrentando criticismo em seu país por conta dos gastos realizados em sua viagem até a Inglaterra para acompanhar o funeral da ex-primeira-ministra britânica Margaret Thatcher, no mês passado. Segundo reportagem do da emissora local Channel 10, o premiê e sua mulher viajaram a bordo de um avião cuja cabine foi customizada ao custo de US$ 127 mil.

O valor faz parte dos US$ 300 mil gastos para fretar um voo a Londres para participar do funeral. Auxiliares e guarda-costas do primeiro-ministro também participavam da comitiva. A cabine de Netanyahu incluía uma cama de casal, que foi cercada por paredes para dar privacidade ao casal.

A notícia sobre a viagem de cinco horas e meia provocou uma onda de protestos na mídia e redes sociais de Israel. A equipe do primeiro-ministro, no entanto, disse que ele não sabia dos altos custos da instalação de uma cabine adaptada em um avião, de acordo com o jornal Ynet. “Quando o primeiro-ministro ficou sabendo dos custos, emitiu uma ordem para não instalar tais cabines em voos para a Europa”, disse em comunicado o escritório de Netanyahu.

Continue lendo no Porta Terra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s