A InSightec, uma empresa de Israel, está transformando a sala de operações com uma nova tecnologia de ultrassom que possibilita a cirurgiões destruírem tumores e cistos sem incisões. Pacientes do sistema ExAblate deitam dentro de uma máquina de ressonância magnética. Cirurgia sem bisturis e cicatrizes? Não é ficção científica. InSightec, uma empresa israelense, está no meio de uma transformação da sala de operações com a sua tecnologia de ultrassom de alta intensidade orientada por ressonância magnética, o ExAblate.

Sistema medico ExAblate O.R.

O sistema ExAblate O.R. utiliza “berços” intercambiáveis colocados em uma mesa comum de tratamento de ressonância magnética. A ferramenta possibilita a médicos destruir alvos, como tumores e cistos fibroides uterinos, dentro do corpo, sem incisões. O paciente alerta é monitorado em tempo real e as alterações nos parâmetros de tratamento podem ser feitos de forma instantânea.

Enquanto o sistema ExAblate acumula elogios – O The Wall Street Journal’s Technology Innovation Award (Prêmio de Inovação em Tecnologia do The Wall Street Journal), o grande prêmio de Tecnologias da Sociedade da Informação da União Europeia, a lista da revista TIME das 50 melhores invenções de 2011 – a InSightec está ganhando aprovações em órgãos de regulamentação, avançando com ensaios clínicos e fechando uma rodada de financiamento de US$ 30,9 milhões.

Usos na ginecologia e na oncologia

O ExAblate O.R. já está sendo utilizado em diversos países, incluindo Europa e os Estados Unidos, para tratar miomas uterinos e dor causada por câncer ósseo. “Começamos com os miomas uterinos, que afligem um quarto de todas as mulheres em algum ponto de suas vidas e geralmente são tratados com uma histerectomia”, diz Kobi Vortman, presidente e fundador da InSightec. “Acreditamos que, para as pacientes que buscam por um tratamento alternativo para preservar o útero, este é eficaz e seguro”.

O médico pode monitorar e se comunicar com o paciente e ajustar o tratamento durante o procedimento. Mais de 9 mil pacientes nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia foram capazes de evitar a cirurgia, pois a tecnologia israelense destruiu com sucesso os miomas através de ultrassom.

Um estudo de dois locais que iniciou em janeiro na Clínica Mayo e na Duke University está determinando como o ExAblate se compara com o tratamento usual para miomas, a invasiva embolização das artérias uterinas. Com o destino de coletar dados para efeitos de reembolso de planos médicos, o estudo deve incluir cerca de 200 pacientes ao longo de três anos nos dois centros.

Em outubro de 2012, o FDA dos Estados Unidos (órgão que administra aprovação de alimentos e medicamentos) aprovou o uso do ExAblate no alívio da dor de tumores ósseos cancerosos. Um ensaio clínico internacional randomizado em 10 a 15 locais começará em breve a comparar o ExAblate com a radioterapia – o padrão de ouro atualmente para a dor da metástase de câncer ósseo – como uma primeira linha de defesa para pacientes recém-diagnosticados.

Ultrapassando a barreira hematoencefálica

Enquanto isso, o produto relacionado da InSightec, o ExAblate Neuro, recebeu recentemente o CE Mark na Europa para o tratamento de três distúrbios neurológicos comuns: tremor essencial, dor neuropática e os tremores da doença de Parkinson. Nos Estados Unidos, o sistema está sendo submetido a ensaios de segurança e eficácia aprovados pela FDA nestas três áreas. O uso do ultrassom concentrado no cérebro é revolucionário, pois passa a barreira hematoencefálica, algo que os medicamentos não conseguem. Em oposição à cirurgia e à radiação ionizante, duas alternativas atuais para tratar essas condições, o ExAblate Neuro deixa o crânio do paciente intacto e é completamente não invasiva.

Neurocirurgiões e físicos nos principais hospitais de pesquisa na Suíça, Coreia, Japão, Canadá e nos Estados Unidos estão experimentando atualmente o ExAblate Neuro – que foi inventado por um pesquisador de imagens de Toronto e desenvolvido na InSightec – para tratar o tremor essencial, um distúrbio de movimento comum que afeta milhões de pessoas no mundo todo. Os pacientes que não respondem à medicação muitas vezes precisam recorrer à implantação cirúrgica profunda de eletrodos estimulantes cerebrais, ou à radiocirurgia com radiação ionizante.

“O tremor essencial é um distúrbio relativamente bem definido, com um único sintoma”, diz Vortman a ISRAEL21c. “Com o ExAblate Neuro, descobrimos que ao final de um único tratamento, 15 pacientes que sofriam há anos com essa doença debilitante estão, novamente, de volta a si”. Enquanto só o tempo dirá quanto os efeitos durarão nestes pacientes do ensaio, Vortman está animado com os resultados. “Esperamos que se tivermos a capacidade de ter sucesso por um ano, também teremos a capacidade de ter sucesso por muitos anos”, diz.

Espera-se que os primeiros pacientes de tremor essencial em um estudo de Fase III se inscrevam neste ano, com a esperança de conceber um protocolo de tratamento completo até o final do próximo ano para receber a aprovação da FDA para esta solicitação. Vortman diz que a tecnologia da InSightec será um dia o tratamento preferencial também para epilepsia, dissolução de coágulos de sangue e para o envio de medicamentos para pontos específicos no corpo. Com a exceção de tumores de pulmão e procedimentos cardíacos e ortopédicos para corrigir funcionalidades, o ExAblate possui aplicações quase ilimitadas, diz Vortman, que é formado em engenharia elétrica e eletro-óptica pelo Technion – Instituto de Tecnologia de Israel.

A empresa, com sede em Tirat Carmel no norte e com um segundo escritório em Or Yehuda, próximo de Tel Aviv, foi fundada em 1999 e tem 125 funcionários. Ela é uma empresa de capital fechado, controlada por Elbit Imaging, General Electric e MediTech Advisors.

Consulado de Israel

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s