Religiosos naTzavah

Kipah Tzavah

“O projeto de reforma do alistamento militar para jovens religiosos se afasta da realidade e não será implementado”, disse o membro do Knesset Yakov Litzman (United Torah Judaism) em resposta a uma proposta apresentada por um comitê ministerial encarregado de elaborar a legislação para trazer abrangente recrutamento haredi ao IDF e ao programa de serviço nacional. Em relação aos recentes protestos no setor haredi contra o plano de recrutamento, Litzman disse: “Quem fala sobre a limitação daqueles que estudam a Torá, e defendem a fixação de quotas para um número de” prodigiosos estudantes”, é ignorante sobre este assunto sensível e delicado, bem como condescendente e paternalista “. A comissão, chefiada pelo ministro Yaakov Peri, sugeriu a convocação de cerca de 65% dos haredim, na idade de 21 anos, após um período de transição de três anos. A proposta prevê, entre outras coisas, sanções econômicas contra as yeshivot cujos alunos se evadirem do serviço na IDF.

Rua Judaica via e-mail

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s