Papa: cristãos não podem ser antissemitas

O papa Francisco recebeu uma delegação da comunidade judaica de Roma quando criticou o antissemitismo, recordando as raízes judaicas do cristianismo. “É uma contradição que um cristão seja antissemita; suas raízes são judias. O antissemitismo deve ser proibido no coração e na vida de cada homem e de cada mulher”, destacou, acrescentando: “Há muitos séculos a comunidade judaica e a Igreja de Roma convivem em nossa cidade com uma história que, com a ajuda de Deus, conheceu, já há muitas décadas, o desenvolvimento de relações amistosas e fraternas. Mas também foi atravessada por incompreensões e por autênticas injustiças”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s