Shemini = Oito

Moyses Sadigursky

Ao oitavo dia seguinte aos sete dias da inauguração da tenda da assinação onde Moises, Aarão e seus filhos permaneceram por ordem do eterno para serem consagrados, Moises falou a Aarão, seus filhos e aos anciãos de Israel e disse a Aarão: toma para ti um bezerro como oferenda de pecado e um carneiro como holocausto, sem defeito e oferece-os diante do eterno.
Aos filhos de Israel: tomai um cabrito por oferta de pecado e um bezerro e um cordeiro da idade de um ano, sem defeito, por holocausto, e um boi e um carneiro por oferta de paz além de uma oblação amassada no azeite porque hoje o eterno aparecerá a vós. Assim fez Aarão.
Entraram Moises e Aarão na tenda de assinação e saíram e abençoaram o povo e apareceu a gloria do eterno a todo o povo saindo fogo de diante do eterno e consumiu, sobre o altar, o holocausto.
Podemos inferir que uma oferenda de tal magnitude ocorreu para a festa de comemoração da conclusão do Mishican. O povo não teria condições de fazer ofertas assim com muita frequência. Interessante notar os alertas que os animais ofertados deveriam ser sem defeitos.  É uma tendência natural do povo quando doa alguma coisa escolhe algo que tenha algum defeito ou que não lhe serve mais.
Outro relato importante desta parashá é o da morte dos filhos mais velhos de Aarão: Nadab e Abihú. Eles tomaram cada um seu incensário e puseram fogo neles e incenso e ofereceram diante do eterno, um fogo estranho que não tinha sido ordenado. Saiu fogo de diante do eterno e os queimou e morreram.

E falou o eterno a Aarão dizendo: vinho e bebida forte não bebereis tu e teus filhos contigo quando entrardes na tenda da revelação e não morrereis. Estatuto perpetuo por vossas gerações. Este alerta chega até a geração atual especificamente a quem dirige veículos: se beber não dirija e se for dirigir não beba.
É realmente muito difícil explicar a morte dos filhos de Aarão. Aparentemente eles entraram na tenda, cheios de boas intenções, para agradar ao eterno com incenso. Segundo alguns sábios eles morreram porque beberam vinho. Mas o que tem de incompatível o beber vinho e entrar na tenda? Algo na arca exigiria um domínio completo do equilíbrio psíquico e motor? Tudo indica que sim. Alguns rabinos acreditam que eles morreram para expiar os pecados de sua geração.  Outros rabinos dizem que a morte dos justos serve de expiação pelos erros e faltas dos pecadores e leva-os ao bom caminho.
Esta parashá também trata das leis de kosher. O eterno fala a Moises e Aarão para instruir aos filhos de Israel sobre os animais que podem comer. Todo o quadrupede que tem caso fendidos a unha separada em dois de cima até abaixo e que rumina tais como os bovinos, os ovinos e os caprinos. Não comereis o camelo que rumina, mas não tem casco fendido, o coelho e a lebre que ruminam, mas não tem casco fendido, o porco que não rumina e tem casco com unha separada em dois. Comereis de tudo que está nas águas, o que tem barbatanas e escamas nos lagos, rios e mares. Das aves não comereis a águia e o quebrantos, a águia do mar e o milhano, o abutre, o corvo, a avestruz, a coruja, a gaivota, o gavião, o mocho, o vampiro, o gavião, as íbis, o vampiro, o morcego, o pelicano, a cegonha, a graça, e o galo montês. Repteis não comereis. Insetos podereis comer apenas o gafanhoto e os grilos. Pequenos animais como a doninha, o rato, o sapo, o porco espinho, o crocodilo, a lagartixa, a lesma, a toupeira.
O contato com cadáver de animais lhes tornará impuro até a tarde.
Todo animal que anda sobre o ventre e animais com muitas patas não comereis.
Não torneis abomináveis vossas almas com nenhum animal impuro e não sejais impuros por eles.
Eu sou O Eterno Vosso Deus e santificar-vos-ei e sereis santos porque Eu Sou Santo.
A interdição dos animais e alguns alimentos pela torá tem um caráter duplo: higiene e pureza moral dos indivíduos. Podemos atribuir a problema de higiene, mas a restrição a que nos impomos tem um caráter bem mais amplo de pureza moral e firmeza de caráter.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s